Skip to content

Contabilização De Empréstimos Bancários Com Juros

⌚️ Tem apenas 60 segundos?
Nós sabemos o quão precioso é o tempo, nem todos gostam de ler longos artigos, como tal, recomendamos que veja o video seguinte, contudo, se precisar de informação mais pormenorizada, pode continuar a ler o nosso artigo.

Perguntas Frequentes

1Como Contabilizar Um Empréstimo Com Juros?

O valor relativo aos juros e outros encargos financeiros serão registrados contabilmente na própria conta que registra o empréstimo ou financiamento, tendo como contrapartida uma conta de despesas financeiras.

2Como Os Encargos Financeiros De Um Empréstimo Deve Ser Contabilizado?

Como podemos verificar, o empréstimo deve ser registrado no Passivo Circulante (PC) ou no Passivo Não Circulante (PNC), pelo seu valor justo líquido dos custos de transação diretamente atribuíveis à contratação da operação.

3Como Deverão Ser Feitos Os Lançamentos De Empréstimos E Financiamentos E Dos Juros A Apropriar?

Os encargos financeiros devem ser contabilizados como despesa financeira, período a período, conforme fluência do prazo, exceto no caso de encargos financeiros incorridos para financiamento de ativos qualificáveis, situação em que devem ser capitalizados.

4Como Fazer Um Lançamento Contábil De Um Empréstimo?

Todos os empréstimos e financiamentos contraídos pela empresa, cujo prazo de pagamento final seja inferior a um ano, contado a partir da assinatura do contrato, deverão ser registrados contabilmente no Passivo Circulante.

5Como Classificar Um Empréstimo Bancário?

Em relação a emprestimos, estes d evem ser classificados no curto e longo prazos, em consonancia com as normas contabeis. Portanto se a Cooperativa tomou um emprestimo no ano de 2013, devera ser contabilizado como curto prazo (PC) as parcelas vincendas no prazo de 1 ano, e as demais classificadas no longo prazo (PNC).